51 2108.2108
Área do Associado
esqueci minha senha

Notícias

27/03/2018

Reverse esclarece dúvidas sobre descarte de resíduos eletrônicos

Associada: Reverse

Muitas são as dúvidas quando chega a hora de uma empresa descartar resíduos eletrônicos de informática, telefonia e até mesmo sobras de eventuais manutenções elétricas.

Pensando nisso, a empresa Reverse - Gestão de Resíduos resolveu listar as dúvidas mais frequentes e esclarece-las.

1. Lixo eletrônico é classificado como resíduo perigoso? Sim! Após desmontar um eletrônico, alguns resíduos perigosos são gerados, tais como: placas de circuito, tubo de imagem, pilha e bateria. Estes resíduos contêm metais pesados e por isso são considerados perigosos.
2. Tem ouro no lixo eletrônico e mesmo assim devo pagar para descarta-lo? Tem ouro, mas são necessárias toneladas de alguns tipos específicos de placas (Sim! São somente algumas placas!) para chegarmos a pouquíssimas gramas de ouro.
3. Tem gás no tubo de imagem dos antigos monitores? Não! Os riscos do tubo de imagem são os metais pesados contidos no vidro. Este resíduo deve ser tratado por uma indústria química com tecnologia para recuperação dos metais.
4. Preciso pagar para destinar corretamente o lixo eletrônico? Para a correta destinação final destes resíduos, principalmente fora do Estado de SP, é necessária uma contra partida financeira para viabilizar o serviço. E não falo somente da mão de obra para a desmontagem, mas também de toda a estrutura documental (documentos que vão além da licença ambiental), transporte, custos de tratamento de alguns resíduos (Exato! Nem tudo tem valor agregado!), impostos...
5. Qual a melhor solução se tratando empresa? As empresas são responsáveis por quaisquer resíduos sólidos até os mesmos perderem suas características originais (Decreto Estadual/RS 38356/1998 e Lei Federal 12.305/2010). Desta forma, deve-se solicitar ao fornecedor do serviço de coleta e destinação documentos que evidenciem não só a coleta, mas também os destinos finais que serão dados e os laudos de reciclagem dos resíduos.
6. Puxa vida! Mas descartei através de uma campanha da prefeitura da minha cidade! Posso ficar tranquilo? Se você recebeu as evidências necessárias para comprovar que tudo foi realmente reciclado, então fique tranquilo. Mas se por acaso recebeu apenas um certificado de entrega, no seu lugar eu estaria preocupado.

Fonte: Reverse - Gestão de Resíduos (ISO 14001)