51 2108.2108
Área do Associado
esqueci minha senha

Notícias

18/02/2021

Prefeito Luciano Orsi participa de reunião do Comitê Regional de Campo Bom

Clique na imagem e veja a galeria completa

O prefeito Luciano Orsi, a chefe de gabinete, Pâmela Ritter, e o diretor da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), Airton Scheffer, participaram nesta quinta-feira, 18, da primeira reunião em 2021 do Comitê Regional da ACI em Campo Bom, coordenada pelo vice-presidente Rogério Schmökel.

Na abertura, o presidente da ACI, Marcelo Lauxen Kehl, deu boas-vindas e parabenizou o prefeito pela reeleição e pelo diálogo em busca de soluções para as grandes questões do município. Orsi – que é comerciante há 30 anos - disse que a parceria com a ACI é indispensável, especialmente neste momento em que é preciso encontrar soluções diferentes para os problemas. “Com grandes parceiros, as coisas se tornam mais fáceis”, explicou.

Em seguida, Orsi apresentou alguns resultados de sua primeira gestão, entre 2017 e 2020, como a redução de 5,5% na folha de pagamentos (de 49% para 43,5%), a redução de dívidas em R$ 20 milhões e o aumento de receitas com destinação definida de R$ 16 milhões para R$ 65 milhões. “De um valor livre para investimentos de R$ 1 milhão, no início da primeira gestão, passamos para R$ 34 milhões em fevereiro de 2021”, enfatizou.

No período, segundo ele, a arrecadação de ISS passou de R$ 36 milhões para R$ 54 milhões (crescimento acima da inflação) e houve redução de dívidas com o Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores Municipais (Ipasem) de R$ 84 milhões para R$ 44 milhões, valor este renegociado para pagamento em 200 parcelas mensais. Também houve redução de despesas em geral.

Outros indicadores importantes citados são o aumento do valor investido em programas de incentivos a empresas, que totalizou R$ 1 milhão em 2017 e cresce anualmente, e a conquista do primeiro lugar no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), em 2020. Campo Bom possui atualmente 2.500 servidores, 1.500 dos quais atuam na área de educação.

Além disso, um comitê integrado por vários órgãos da administração municipal reduziu procedimentos burocráticos e agilizou a prestação de serviços, como a emissão de alvarás de funcionamento a empresas, e a Sala do Empreendedor conquistou o Selo Ouro, concedido pelo Sebrae/RS e pela Fundação Nacional da Qualidade (FNQ).

“O município só cresce com profissionais qualificados, empresas fortes e entidades atuantes que, em maior ou menor escala, geram desenvolvimento econômico e receitas, o que resulta em aumento da qualidade de vida da população”, disse Luciano Orsi, destacando que Campo Bom é uma cidade boa para empreender e morar.

RS-239

O diretor Marco Aurélio Kirsch e associados da ACI presentes à reunião solicitaram ao prefeito Luciano Orsi a ampliação da infraestrutura junto à RS-239 para incentivar a instalação de novas empresas de transporte e logística, entre outras, no Distrito Industrial. Também pediram apoio a ações relacionadas ao aumento da segurança na rodovia, como a construção de um viaduto no principal acesso ao município e a instalação de passarelas para pedestres, além da colocação de placas de identificação para atrair turistas à área central da cidade, onde está localizada, por exemplo, uma das mais antigas igrejas luteranas do RS.  

Vale Germânico

Conforme Orsi, o projeto de incentivo ao turismo Vale Germânico estuda a instalação de sinalização uniforme em rodovias de toda a região, de acordo com os atrativos de cada município, o que deve favorecer a atração de milhares de turistas que se deslocam para a serra mensalmente. Com este objetivo, uma das ações em estudo é a instalação do Museu do Calçado, que já conta com o apoio da administração municipal e de pelo menos uma grande empresa calçadista local.

Transporte público e Trensurb

Atendendo à solicitação dos participantes, Luciano Orsi colocou-se à disposição para integrar um comitê, a ser criado, para viabilizar a extensão do Trensurb, cuja linha atualmente tem fim em Novo Hamburgo. A ampliação, segundo ele, beneficiaria a expansão de empresas já existentes e a instalação de outras novas no município, que atualmente não dispõe de mão de obra para viabilizar investimentos maiores e poderia atrair trabalhadores de outras cidades.

Uma das ações com este objetivo já está em curso. Na próxima semana, a Câmara de Vereadores votará um projeto do executivo que modifica o sistema de transporte público de Campo Bom. Entre outras inovações previstas, a frota de ônibus passará a ser monitorada em tempo real por GPS e um app permitirá aos usuários saber exatamente os horários e a localização dos ônibus, facilitando o deslocamento entre os bairros e a área central do município.