51 2108.2108
Área do Associado
esqueci minha senha

Notícias

25/09/2020

ACI encaminha solicitação à Prefeitura para que agilize instalação do novo sistema de informática durante o final de semana

Reivindicação da entidade foi encaminhada na tarde de sexta-feira (25), à Prefeitura de Novo Hamburgo

A  Associação  Comercial,  Industrial  e  de Serviços  de  Novo  Hamburgo,  Campo Bom  e  Estância  Velha – ACI-NH/CB/EV – em  vista  de  recente  comunicação recebida,  através  do  Conselho  Municipal  da  Cidade - Concidade, vem, respeitosamente, dizer da impossibilidade e prejuízo ao erário municipal e a todos os negócios, em vista da suspensão e imprevisibilidade de instalação do novo sistema de informática.

O documento informa que: “ A troca de sistema começará no final da tarde de sexta-feira, dia 25, e seguirá durante todo o  fim de semana, justamente para diminuir ao máximo eventuais transtornos para a comunidade. A interrupção, no entanto, pode se estender até o dia 6 de outubro”. É fato incontestável que o sistema de emissão de Notas e guias vem sendo alvo de  justas críticas, desde a sua instalação na Prefeitura Municipal de Novo Hamburgo, por constituir-se em um sistema  lento, difícil e pouco amistoso ao contribuinte. Portanto, é saudável que se promova a troca de um sistema tão essencial à arrecadação e dinâmica dos negócios.

No entanto, a considerar o quadro cronológico terrível de fechamento de negócios, e total imprevisibilidade devido a política de bandeiras e quarentena, que data de março, nossos empreendedores formais não têm como abdicar da emissão destes documentos fiscais em nome da falta de programação organizada de um setor da Prefeitura e seu novo  fornecedor de sistemas. 

É insuportável ao setor produtivo organizado desta cidade que se conceba tal hiato fiscal e de serviços públicos neste período de tempo. Portanto, rogamos a Prefeita que, ou suspenda ainda na tarde de hoje esta operação de troca de  sistema, ou que garanta que o novo sistema esteja plenamente operacional no início da manhã do dia 28. O prejuízo para  o Município e empresas é, desde já, incalculável, tanto em arrecadação como em dinâmica contábil e de negócios.

Marcelo Lauxen Kehl
Presidente da ACI-NH/CB/EV