51 2108.2108
Área do Associado
esqueci minha senha

Notícias

01/02/2021

2021 e o mercado imobiliário

A pandemia nos afetou, mudou hábitos, trouxe incertezas, mas não conseguiu parar totalmente o mercado imobiliário. Percorrendo a cidade é possível notar muitas edificações novas ou em reforma. A construção civil andou mais lentamente, sem dúvida, como praticamente todos os segmentos, mas vem dando sinais positivos.

As perspectivas para 2021, do meu ponto de vista, são bem animadoras. Até porque houve um represamento na aquisição de imóveis e quando destravar, o cenário mudará bastante. Temos ainda outros componentes para corroborar esta expectativa. A Selic - taxa básica de juros da economia brasileira - está no seu menor patamar histórico. Assim, os juros dos financiamentos imobiliários também são os menores dos últimos tempos. A redução dos juros representa um desconto significativo nas parcelas de qualquer financiamento.  

Outro ponto é uma provável migração do dinheiro de investidores para o segmento, já que os fundos mais tradicionais não estão rendendo como antes. Considero, ainda, que deveremos ter uma estabilidade de preços por ora e este é mais um fator de estímulo à compra.  

Se você deseja adquirir um imóvel este é o momento certo. Até porque, temos um tempo de busca pela melhor alternativa, o compartilhamento com a família, análise de recursos que a decisão exige, ou seja, você não pensa hoje e compra amanhã. Existem muitas e variadas alternativas no mercado. A decisão consome um certo tempo e isso é assim mesmo. Principalmente se o imóvel em questão é para moradia.

Fonte/Associado: Jorge Trenz Negócios Imobiliários