51 2108.2108
Área do Associado
esqueci minha senha

Notícias

11/07/2019

ACI seguirá apoiando e defendendo todas as reformas que entende benéficas e necessárias

A Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha comemora e cumprimenta as senhoras e senhores parlamentares, e aos interlocutores e propositores da Presidência da República pelo resultado da votação em prol da reforma da Previdência Social, ocorrida ontem em Brasília.

Nossa entidade vem há anos defendendo a necessidade desta reforma, dado o rombo que vem se abatendo de forma crescente sobre o Tesouro, e, consequentemente, sobre o orçamento do Governo Federal e a sua capacidade de investimento em áreas prioritárias como saúde, segurança e educação. Trabalhamos em diversas frentes, trouxemos economistas, enviamos documentos e recebemos autoridades para ajudar na disseminação do quão indispensável é esta reforma. Por último recebemos em um seminário, às vésperas da votação e com o nosso auditório lotado de associados e representantes da sociedade, os deputados Lucas Redecker, Marcel van Hattem e Giovani Feltes, juntamente com o secretário Especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, para reforçar nossa posição a favor da reforma.

Fomos, também, apoiados por nossos associados e consultores com contribuições técnicas e valiosas observações nesta jornada. E lembramos que esta jornada ainda não terminou, e que ainda alcançará etapas e desafios muito grandes, como a votação em 2o turno na Câmara e a necessária inclusão de estados e municípios, em matéria que precisa ser resgatada pelo Senado.

E que sigamos nesta trilha de reformas essenciais ao nosso país, tão carente de avanços em seu arcabouço legal e institucional. 

A ACI seguirá apoiando e defendendo todas as reformas que entende benéficas e necessárias à realização do imenso potencial que tem o nosso Brasil, onde empresários tenham liberdade para empreender, gerar riqueza e empregos, e os nossos imensos recursos sejam usados de forma justa, correta e visando o bem de todos, e não apenas de minorias organizadas.
 
Marcelo Lauxen Kehl
Presidente